Um espaço novo pra arte nova

Em 08 de setembro de 2017 por Carolina Nogueira

Outro dia conheci uma turma de Artes Plásticas da UnB super cheia de vontade de fazer arte e de fazer a arte circular. Conversei pouco, ouvi muito – e percebi que esse grupo bem heterogêneo tem poucas certezas e nenhuma arrogância, muita vontade de se expressar de um jeito artístico genuíno que não passe pela empáfia vazia que marca o meio das artes visuais e, melhor de tudo, não tem medo de se mostrar, de se colocar, de tentar.

Agora junta tanta vontade de fazer com o espaço livre que uma das artistas do grupo, a Alessandra Mourão, tinha na indústria de luminárias da família dela, perto de Sobradinho. Surgiu, claro, a vontade de chamar o povo pra uma experiência bem nova, livre de expectativas e fora do eixo. Pra mostrar que a gente pode, sim, fazer, expor, se expressar.

Este sábado acontece a festa-exposição Arte na Fábrica, que traz peças inéditas de artistas dessa novíssima safra: Raylton Parga, esse mocinho da foto, a própria Alessandra Mourão, Gustavo Moreno, Marcus Martins, Sérgio Pedreira, além de ninguém mais ninguém menos que a atriz Adriana Nunes – que além de marcar a história desta cidade junto com os Melhores do Mundo também empresta seu talento às esculturas, às telas e às tintas.

A novidade mais emoji-macaquinho-escondendo-os-olhos dessa história toda é que tem três ilustrações minhas que também estarão nas paredes dessa iniciativa bacana. Nem eu sei como fui convencida: eles foram tão abertos e entusiasmados que quando eu vi já estava pintando, cortando e colando – só pra poder fazer parte.

Pra melhorar: vai ter som do DJ Rodrigo Bonna e a deliciosa presença do I.V.V. Swinebar. Vem ver a gente.

Bora?

Arte na Fábrica
Sábado, 9/9, das 19h às 2h
Setor de Expansão Econômico, Quadra 10, Lote 16 – Sobradinho